baner



Enviar por E-mail

O que é o TICultura?

O projeto TICultura pretende constituir um plano de atividades com base na associação de duas dimensões, por um lado a das TIC/Multimédia e por outro o enfoque nos temas culturais, com destaque sobretudo aos que estejam relacionados com a realidade local e regional. A componente da cultura, que engloba diversas áreas, como o património material e imaterial, a música, a literatura, a história, as artes plásticas, as memórias coletivas, entre outras, servirá de base para o estabelecimento de planos de atividades que permitam uma abordagem a temáticas culturais em contexto escolar. Porém, torna-se necessário definir em concreto o que se pode entender como Cultura e que temas culturais poderão então ser trabalhados, para que, mais facilmente se perceba o interesse da implementação de um projeto desta natureza.

Ao falarmos de “Cultura” estamos a referir-nos fundamentalmente à transmissão de valores entre gerações, ao conhecimento da história e das tradições de uma comunidade, à valorização do seu património material e imaterial e também ao conhecimento e participação nas suas atividades. A escola, neste contexto, deve desempenhar um papel fundamental na transmissão e perpetuação dos valores e caraterísticas culturais de uma comunidade. É através dela que a criança, desde cedo, toma contacto com as diferentes manifestações que definem a identidade cultural do seu país (Cidadãos, Ventura, Alves, & Lourdes, n.d.). Deste modo, e com base nesta perspetiva sobre a definição de cultura, serão selecionados conjuntos temáticos relacionados com a cultura regional e local, que servirão de base na definição de planos de trabalho, com vista ao seu estudo e aprendizagem a partir das TIC/Multimédia.

Perante este enquadramento, coloca-se portanto o desafio, a partir do presente projeto, de promover aprendizagens sobre temáticas culturais, através do uso das TIC/Multimédia, em contexto escolar. Atendendo a que não há uma disciplina curricular específica que aborde assuntos culturais, a sua promoção terá de ser desenvolvida a partir de uma estratégia sistémica, que consiga um equilíbrio entre o currículo formal e um plano de atividades a implementar. Na prática, para a prossecução do projeto pretende-se que os alunos, sob orientação dos docentes/coordenadores, desenvolvam trabalho de âmbito cultural, com recurso às TIC/Multimédia e posteriormente os publiquem numa plataforma agregadora para esses trabalhos - Sapo Campus, disseminados seguidamente nos canais do programa Educamedia, no sentido de se promover a interação e discussão sobre os temas trabalhados, permitindo assim o desenvolvimento de aprendizagens mais significativas.